Joca, o jornal da criança

Joca, o jornal da criança

Você conhece o Joca? Ele tem poucos meses e uma vida cheia! Nele, notícias do Brasil e do mundo são contadas para quem tem entre 7 e 13 anos. É bom demais de ler. De ler e escrever! Ah, sim: virei correspondente internacional do Joca. Desde a semana retrasada, escrevo sobre o que acontece aqui na Europa. Pode ser sobre um passeio, uma data comemorativa, uma curiosidade e até sobre a escolha de um presidente.

Minha primeira coluna foi sobre o tour nos bastidores do Harry Potter. Quem gosta do bruxinho e vier para Londres nas férias, já sabe: tem de fazer o passeio. A próxima, que sai na outra semana é… xi, ainda não posso contar! Mas você pode ler a que já foi publicada (essa aí da foto sou eu aos cinco ou seis anos de idade, com jornal na mão imitando o meu pai).

 

O Joca é da Magia de Ler, a mesma que publica a Toca e a Peteca. Eu peguei essas duas revistas na mão quando ainda trabalhava no Estadinho. Me lembro de ter achado tudo o máximo: conteúdo divertido e educativo, ilustrações bonitas, diagramação bem boa, fontes grandes (como deve ser para as crianças) e um perfil inspirado nas publicações francesas, como as da Bayard, que são incríveis.

O jornal sai a cada 15 dias, é vendido por assinatura e você pode saber mais aqui. Eu recomendo um montão! Só para você ter uma ideia, minha coluna de estreia saiu na edição 6, em que a matéria de capa foi sobre o avião solar que se prepara para dar a volta ao mundo em 2014. Quem é que não fica curioso para ler?

Sobre Thais

Thais Caramico é jornalista especializada em conteúdo para crianças desde 2009, quando trabalhava como repórter e redatora do suplemento infantil do jornal O Estado de S.Paulo. Mora em Londres, faz mestrado em Literatura Infantojuvenil na Universidade Autônoma de Barcelona e coordena Mídias Sociais na Editora Brinque-Book. Colabora com Revista Emília e é autora do guia de viagem “Londres e Paris com crianças”.

3 comentaram

  1. Rute Miriam Albuquerque

    Há dez anos criamos o JUCA, jornal escolar que seria produzido pelo coletivo das crianças e adolescentes da nossa escola: JUrema CAvallazzi.
    Infelizmente, fomos engolidos pelas tsunamis do cotidiano. Acho jornal uma delícia, e vários educadores apostaram nesta ferramenta. Um deles foi Celestin Freinet. Vou vasculhar, com muita vontade, cada pedacinho do JOCA. Parabéns!

  2. Tartaruga Feliz

    pô queremos a foto de quando você era criança publicada aqui já! :D

  3. Que iniciativa boa, Rute! Alguma edição do Juca chegou a ser publicada? Se sim, gostaria de ver. E o Joca é muito bom, você vai gostar! Beijos.

    Tartaruga, vou colocar a foto aqui agora! =)

Conta pra gente o que você está pensando!

Seu email não será publicado.Campos obrigatórios *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Scroll To Top